Skip to content


Funai condenada a indenizar mulher que foi apedrejada por índios

O jornal Bahia Notícias informou que a 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) sustentou a decisão que obriga a Fundação Nacional do Índio (Funai) a indenizar uma mulher que foi apedrejada por índios caingangues em um protesto realizado em fevereiro de 2010. Ao voltar para casa a paranaense passou por uma manifestação dos indígenas em frente a Funai de Londrina. O veículo em que estava com o marido foi apedrejado e a  pedra que a atingiu causou um traumatismo craniano, que resultou em um coma. Os desembargadores mantiveram o valor da compensação para reparação dos danos estéticos e despesas médicas em R$ 100 mil, entretanto, o valor dos danos morais foi reduzido de R$ 350 mil para R$ 100 mil, visando evitar o enriquecimento ilícito da requerente. Para o desembargador federal Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz a perícia judicial e outros elementos cognitivos produzidos nos autos comprovam que as lesões sofridas pela autora não são passíveis de tratamento. Também comprovam que as sequelas reduziram sua capacidade funcional em 65%, tornando-a incapaz de forma total e permanente para atividades de trabalho genéricas. A Funai disse que os índios são legalmente responsáveis por suas atitudes e alegou ilegitimidade passiva. No entanto, o juiz federal Roberto Lima Santos, que julgou o caso, afirmou que a legitimidade passiva da instituição não decorre da participação dos seus agentes nos fatos, mas do fato de ser um órgão responsável pelas comunidades indígenas. Segundo o jornal, a agredida ainda receberá uma pensão vitalícia que inicialmente seria de três salários mínimos, mas, também foi reduzida para um valor inferior depois da decisão do TRF-4.

Posted in Português.

Tagged with , , .


One Response

Stay in touch with the conversation, subscribe to the RSS feed for comments on this post.

  1. estudante says

    Que nada, índios são bonzinhos…



Some HTML is OK

or, reply to this post via trackback.

Comments Protected by WP-SpamShield Anti-Spam