Skip to content


Violentando a mestiçagem: os ataques mestiçofóbicos contra Demóstenes Torres – Leão Alves

O senador Demóstenes Torres tornou-se um novo alvo de gotistas. Acusam o senador goiano do partido Democratas de haver negado a ocorrência de estupros contra ‘mulheres negras’ por senhores de escravos. 

Associar mestiçagem a estupro é uma das mais repugnantes táticas usadas por gotistas para constranger mulatos e caboclos a não assumirem sua identidade mestiça. A finalidade é estimular a renúncia à sua ancestralidade branca. Que no período do escravismo tenha havido estupros contra mulheres pretas e indígenas é inquestionável, e não deve ser esquecido. O discurso anti-mestiço, porém, busca passar a idéia de que esta prática tenha sido a regra nas relações entre brancos e mulheres não brancas.

As palavras do senador, repetindo uma das frases-feitas, “‘As negras foram estupradas no Brasil. A miscigenação se deu pelo estupro. Foi algo absolutamente forçado’. Gilberto Freyre, que é outro que é hoje completamente renegado, mostra que isto se deu de uma forma muito mais consensual e que felizmente isso levou o Brasil a ter hoje esta magnífica configuração racial”.

Na audiência o senador afirmou também ter ‘sangue de negro’ e lembrou já ter sido tripudiado por fazer referência à sua mãe mulata em outro momento.

O senador também denunciou as manipulações estatísticas usadas para atender determinados pontos de vista. Mostrou que, quando desejam aumentar a ‘população negra’, os dados apresentados somam os pardos, e quando desejam diminuí-la nas estatísticas, os pardos são excluídos e apenas a população preta é somada. 

“Se alguém é racialmente discriminado no Brasil, esse alguém é o pardo. Se alguém sofre com todas as letras a discriminação é aquele que é mestiço no país, e que é a nossa grande maioria”, afirmou.

Demóstenes Torres afirmou seu receio de que cotas raciais venham a estimular conflitos raciais e defendeu cotas sociais.

Leão Alves é médico e secretário geral do Movimento Nação Mestiça. E-mail leao_alves@yahoo.com.br

Artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam no todo ou em parte opiniões ou posicionamentos do Nação Mestiça.

‘É a ditadura do politicamente correto’, diz Torres

Posted in Leão Alves, Português.

Tagged with , .


0 Responses

Stay in touch with the conversation, subscribe to the RSS feed for comments on this post.



Some HTML is OK

or, reply to this post via trackback.

Comments Protected by WP-SpamShield Anti-Spam