Skip to content


Negristas da UnB inventam critérios e expulsam pardos das cotas para pardos

O Conselho Universitário – CONSUNI da Universidade de Brasília – UnB expulsou, nesta sexta-feira (05/03), vários estudantes autodeclarados pardos classificados nas cotas raciais reservadas a pardos pela Lei de Cotas (Lei nº12.711/2012). Foram usados critérios negristas inventados pela própria universidade e que não existem na Lei de Cotas, como exigir que o candidato pardo descenda e tenha aparência de preto. A invenção retira dos mestiços caboclos (que são nativos e habitam o Brasil desde antes da chegada dos pretos africanos) e de outros pardos que não descendem de preto seu direito às cotas.

A Lei de Cotas adota o critério do IBGE (que classifica qualquer mestiço como pardo, não importando a aparência ou a mistura), estabelece cotas exclusivas para pardos e não cita negros.

O Movimento Pardo-Mestiço Brasileiro solicitou à reitora Márcia Abrahão Moura para se pronunciar na reunião, mas não foi atendido. O CONSUNI decidiu continuar o “julgamento” de outros autodeclarados pardos na sua próxima reunião.

Posted in Mestiçofobia | Desmestiçagem, Pretismo | Negrismo | Transnegrismo.


2 Responses

Stay in touch with the conversation, subscribe to the RSS feed for comments on this post.

  1. Cdz25 says

    Eu me classifico como pardo, mas tenho feições índigenas. Sou de Minas Gerais. Se as cotas são para um pardo que tem feições mais próximas de uma pessoa negra, é equivocado eles usarem todos pardos nas estatísticas sociais como negros para justificar essas políticas sociais. Pessoas com o fenótipo do Wellington Dias(governador do Piauí), ou da Fátima Bezerra(governadora do Rio Grande do Norte), por exemplo geralmente elas não são vistas nem como brancas, nem como negras e simplesmente não existem em estatísticas como a que afirma que mais de 70% da população pobre no Brasil é negra.

  2. Anônima says

    Olá!
    Fui exposta nessa live e, inclusive, deslegitimam meu argumento de ser mestiça com raça amarela. Colocam como perigoso eu estar tentando me passar por parda, colocam como mau caratismo, pois coloca em cheque a política de cotas. Por favor, entrem em contato comigo.



Some HTML is OK

or, reply to this post via trackback.

Comments Protected by WP-SpamShield Anti-Spam