Skip to content


Palavra ‘negro’ é retirada da obra ‘Tom Sawyer’, criando polêmica nos EUA

mark_twain

WASHINGTON — As novas edições americanas das aventuras de Tom Sawyer e de Huckleberry Finn tiveram a palavra “negro” retirada de suas páginas, criando polêmica nos Estados Unidos. O New York Times se disse “horrorizado” por terem retocado os clássicos de Mark Twain.

Na nova versão de Huckleberry Finn, Jim, amigo do personagem principal, não será mais “negro”, apenas “escravo”. Outro personagem, chamado de “Injun Joe” de maneira trivial pelos personagens de Mark Twain, em inglês, agora passa a ser “Indian Joe” na nova versão de “Tom Sawyer”.

Essas novas edições foram modificadas por Alan Gribben, um professor de literatura da Universidade Auburn de Montgomery do Alabama (sul). Elas devem ser publicadas por uma pequena editora, NewSouth Books.

Durante uma entrevista concedida à rádio pública NPR, Gribben justificou seu gesto argumentando que “o clima cultural no qual vivemos hoje é totalmente diferente” deste que prevalece na época da publicação das obras, no fim do século XIX.

Mas o anúncio da publicação dos dois livros provocou uma confusão.

A batalha é conduzida, em particular, por Barbara Jones, diretora do Centro pela Liberdade Intelectual da Associação Americana de Bibliotecas.

“As ‘Aventuras de Huckleberry Finn’ foram escritas por um dos observadores e autores mais prolíferos e perspicazes do mundo literário americano dos séculos XIX e XX. Mark Twain não tinha medo de refletir sobre as forças e as fraquezas de seu país. Ele deliberadamente utilizou a palavra ‘n…’, e não porque ele era racista”, escreveu Jones em seu site aolnews.com.

O New York Times publicou em seu editorial desta quinta-feira: “nós estamos horrorizados e pensamos que a maioria dos leitores, sejam puristas ou não, também ficarão (…). É impossível ‘limpar’ Twain sem causar danos irreparáveis a sua obra”.

De AFP, 07/01/2011.

Os textos postados assinados por seus autores e os noticiosos e de outros sites lincados são de inteira responsabilidade dos mesmos não representando no todo ou em parte posicionamentos do Nação Mestiça.

Inclusão de ‘Negro’ no censo dos EUA gera reação entre afro-americanos

Posted in Português.

Tagged with , .


One Response

Stay in touch with the conversation, subscribe to the RSS feed for comments on this post.

  1. Mariana Benedita dos Santos,Negra Bene. says

    No Brasil dezenas de milhares de negros e simpaizantes protestam Movimentos negros brasileiros fizeram protestos de desagrado contra famoso cantor e sambista Martinho da Vila, Escola de Samba Unidos de Vila Isabel que neste carnaval de 2012, no enredo “Você Semba Lá… Que Eu Sambo Cá. do povo brasileiro) que nos versos O Canto Livre de Angola!”. Com uma exaltação maravilhosa a ANGOLA a pátria mãe da maioria (54% tem sangue africano-angolano em nossas aveias. Samba Enredo da Vila Isabel(O para Presidente Wilson Vieira Alves a carnavalesca Rosa Magalhães e principalmente o Presidente de Honra: Martinho José Ferreira o “Martinho da Vila” que se negaram a ouvir e atender as reclamações dos milhares de e-mails, cartas e ligações telefônicas e celulares para sensibilizar esses dirigentes. que seria um desprestígio para comunidade negra feminina serem excluídas as frente da bateria da Vila Isabel colocando uma rainha nipo-brasileira (japonesa) e uma musa loira, com respeito a elas, mas porque não por uma negra também e por coerência ao enredo exaltava a raça negra e negritude cultural África Angola Brasil. Apesar de todos esforços não foram suficientes par conscientizar estes dirigentes é lamentável que as crianças a juventude a mulher afro brasileira sofram estes preconceitos excluídas marginalizadas , humilhadas por aqueles que dizem ser defensores e nossos ídolos. Martinho da Vila é uma vergonha e covardia, muito obrigado pelo desserviço ao resgate e valorização da raça negra.Rei Martinho Ganga Zumba da Vila? Mariana Benedita dos Santos,Negra Bene. mariana.jornalista@bol.com.br



Some HTML is OK

or, reply to this post via trackback.

Comments Protected by WP-SpamShield Anti-Spam