Skip to content


Instituído o Dia Nacional da Comunidade Ucraniana

O presidente Lula da Silva (PT) sancionou lei instituindo o Dia Nacional da Comunidade Ucraniana. A data escolhida (24 de agosto) não se refere à chegada dos ucranianos ao Brasil como, p. ex., a data do Dia Nacional da Imigração Japonesa (18 de junho) e a do Dia Nacional da Imigração Italiana (21 de fevereiro) – que fazem referência às datas de chegada ao Brasil dos primeiros navios com imigrantes japoneses e italianos, respectivamente -, mas sim à separação da Ucrânia da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), em 1991. O autor do projeto de lei foi o deputado Ângelo Vanhoni (PT-PR), que apresentou também um outro projeto, este visando instituir “territórios culturais” para imigrantes europeus e asiáticos assemelhados a territórios indígenas tendo entre seus princípios, “a preservação dos direitos culturais, o exercício de práticas comunitárias, a memória cultural e a identidade racial e étnica”.

LEI Nº 12.209, DE 19 DE JANEIRO DE 2010

Institui o dia 24 de agosto como o Dia Nacional da Comunidade Ucraniana, com fundamento no § 2o do art. 215 da Constituição Federal.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1o É instituído o dia 24 de agosto como Dia Nacional da Comunidade Ucraniana, passando a integrar o calendário oficial da República Federativa do Brasil.

Art. 2o Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Brasília, 19 de janeiro de 2010; 189o da Independência e 122o da República.

LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA

Ranufo Alfredo Manevy de Pereira Mendes

Deputado quer criar territórios culturais brancos

Negritude, mística sem lugar no Brasil

ECR-3: a divisão dos brancos – Leão Alves 

Você é negro, mulato, índio ou caboclo? Cuidado! – Rodrigo Nunes Ricardo

ENQUETE

Você concorda com o PL dos “territórios brancos”?

Posted in Português.

Tagged with .


5 Responses

Stay in touch with the conversation, subscribe to the RSS feed for comments on this post.

  1. Administrador says

    Pimpolho,

    Que bom! Seja bem-vindo.

  2. Pimpolho says

    Gostei muito do seu blog! Não só irei seguí-lo, como o adicionarei aos meus favoritos.

  3. Valter Reichmann says

    ‘somos’ quem? Você e os lunáticos que defecam tantas besteiras na internet por esse site acham que falam pelo Brasil todo?

    Mestiça? Queria ver um coitado desse falando isso em uma colônia alemã ou italiana no sul, hahaha.

    Vocês não falam por ‘nós’, são só coitados sem identidade cultural e racial que se sentem ‘menos piores’ acreditando na ilusão d que todos são como vcs.

  4. Leão says

    Quem lhe disse que defendemos ‘territórios negros’?
    Não há problema nenhum em homenagear a imigração ucraniana e valorizar a sua mistura à Nação brasileira. Desejamos um Brasil com milhões de mulatos, caboclos e outros mestiços descendentes de ucranianos. Não somos nazistas nem seguimos cartilhas do PT, gostamos de mistura e não de segregação, “desintrusão” e assemelhadas.
    Quanto a quem deseja manter tradições e sangue “puros” e exaltar separatismo o lógico seria migrar para bem longe do Brasil, pois este país quando se independeu já tinha cultura própria e esta cultura era nativa e mestiça.

  5. Valter Reichmann says

    E qual o problema, f[…]? Se fosse ‘territorios negros’ e dia do mestiço não poderia??

    É f[…] saber que enquanto tem pessoas que mantém seu sangue e tradições, outros como você não sabem nem onde a avó foi c[…], né?



Some HTML is OK

or, reply to this post via trackback.

Comments Protected by WP-SpamShield Anti-Spam