Skip to content


Feminismo moderado existe?

No artigo “Cultura do estupro ou histeria?“, Rodrigo Constantino afirma que “o feminismo radical é o que mais cresce e ameaça os pilares de nossa civilização. Ao levar o conceito marxista de luta de classes para dentro da família, para o relacionamento entre homem e mulher, esse feminismo tem criado um ambiente terrível no convívio entre os diferentes sexos.”

Ele está certo, o feminismo manifesta o marxismo, ocorre que não cabe subdividir o feminismo em radical e libertário, como se houvesse um bom, moderado.

O feminismo é uma ideologia “capitão-do-mato”, como o transnegrismo. Da mesma forma que o transnegrismo visa a ocupar os lugares dos pretos e pardos – o que implica impedir que estes tenham movimentos próprios -, estando a serviço do Comunismo, do neoliberalismo ou de outros interesses, o feminismo visa a ocupar e monopolizar o espaço de organização e representação das mulheres”.

Ele também está certo quando diz que, por ação do feminismo, “Todos os homens, de preferência os brancos, passaram a ser vistos como predadores, estupradores em potencial, culpados já ao nascimento, só por ter um pênis.” No Brasil, mas não só no Brasil, o discurso da “cultura do estupro” também serve para ideólogos brancos comunistas e neoliberais, dos dois sexos, camuflarem racismo e atacarem a miscigenação do homem branco e, assim defenderem a preservação de raça contra mestiçagem e mestiços.

Leão Alves, ex-presidente do Movimento Pardo-Mestiço Brasileiro.

Os vídeos e os textos postados assinados por seus autores e os noticiosos e de outros sites lincados são de inteira responsabilidade dos mesmos não representando no todo ou em parte posicionamentos do Nação Mestiça. É autorizada a reprodução e publicação de textos deste site desde que citada a fonte. 

Posted in Leão Alves, Português.


One Response

Stay in touch with the conversation, subscribe to the RSS feed for comments on this post.

  1. Edu says

    Feminista só tem merda na cabeça, tudo iludida com o velho papo marxista.



Some HTML is OK

or, reply to this post via trackback.

Comments Protected by WP-SpamShield Anti-Spam