Skip to content


Deputados do PT boicotam há 4 anos projeto que cria o “Dia do Mestiço” na BA

Os deputados estaduais do PT da Bahia, Bira Coroa, Paulo Rangel e Marcelino Galo, atrasaram o andamento do Projeto de Lei que visa a instituir o Dia do Mestiço no Estado. O PT é contra mestiçagem pois é a favor da divisão racial e étnica da Nação brasileira; por isto defende que mestiços sejam considerados negros.

Tramitando há 4 anos na Assembleia Legislativa do Estado da Bahia, o Projeto de Lei 20.253/2013, que visa a instituir o Dia do Mestiço no Estado, tem sido engavetado sistematicamente por deputados do PT. Partido de brancos e negros contrário à mestiçagem, o PT é autor de diversas leis que impõem que mestiços sejam classificados como negros. O Dia do Mestiço já é data oficial nos Estado do Amazonas, Mato Grosso, Paraíba e Roraima.

O Projeto de Lei é de autoria da deputada Ângela Sousa (PSD) e foi apresentado em  abril de 2013. No mês seguinte, um deputado do PT, Bira Coroa, tornou-se seu Relator na Comissão de Constituição e Justiça. O deputado demorou quase 5 meses para dar o parecer favorável, e só o encaminhou adiante em janeiro de 2015 (ou seja, mais de 1 ano e 8 meses depois de ter recebido o projeto) para a Secretaria Geral das Comissões que o repassou ao Departamento de Controle do Processo Legislativo para ser arquivado segundo o Regimento Interno da Casa.

Desarquivado em abril de 2015, em julho daquele ano foi distribuído pela Comissão de Constituição e Justiça para o deputado Paulo Rangel, também do PT, para ser o Relator. Após reter o projeto por mais de 1 ano e 4 meses, o projeto foi devolvido pelo deputado estadual petista no dia 22 de novembro de 2016 sem parecer e, na mesma data, distribuído ao deputado Marcelino Galo, também do PT, que devolveu o projeto mais de 2 meses depois à Comissão de Constituição e Justiça também sem dar parecer sobre o mesmo.

O Partido dos Trabalhadores apresenta-se como anti-racista e a ideologia petista dirige a acusação de racismo para a sociedade brasileira e opositores. É uma técnica de camuflagem eficaz, pois muitas leis e políticas contra mestiçagem, a favor da racialização dos mestiços, da criação de territórios de segregação racial e de direitos diferenciados em raça e etnia têm sido aprovadas pelo PT.

Posted in Mestiçofobia | Desmestiçagem, Multiculturalismo, Português, Pretismo | Negrismo | Transnegrismo.


0 Responses

Stay in touch with the conversation, subscribe to the RSS feed for comments on this post.



Some HTML is OK

or, reply to this post via trackback.

Comments Protected by WP-SpamShield Anti-Spam